A um palmo do chão

Pessoal e transmissível

Não é por ser Carnaval, de que gosto tanto, de que voltei a gostar quando o meu filho era menino. É porque durante uns dias me vai faltar um pedaço. Meio coração, metade de mim. Os filhos crescem, sabiam? E nascem-lhe pêlos nas pernas e no corpo todo. E começam a desfazer o bigode e mudam de voz. E têm vontade própria e pedem-nos coisas. E nós fazemos e deixamos. Porque as asas são para voar. Mesmo quando os filhos são os nossos e isso nos faz andar a um palmo do chão, até que eles vão e voltem e possamos, enfim, aterrar de novo.

Don’t worry. Be happy.

Anúncios

One thought on “A um palmo do chão

Penso que:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s